Collieconnection®
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Brucelose

Collieconnection-Brucelose-Canis - ilustração

A brucelose é uma doença causada por bactérias do gênero Brucella que afeta diversas espécies, incluindo cães. É uma zoonose transmitida pelo contato direto ou indireto com animais infectados e pode ter um curso clínico longo nos cães. A transmissão pode ocorrer por via respiratória e mucosas. A doença é comum no mundo todo, principalmente pela transmissão via leite contaminado de bovinos. Cães podem se infectar pelo contato com outros animais ou pela ingestão de carcaças e leite contaminados, levando a lesões no trato genital. A brucelose causa perda reprodutiva na pecuária e abortos em cadelas. O tratamento era limitado, mas pesquisas estão em andamento para melhorar a eficácia terapêutica.

Transmissão

Pode ser Congênita, pelo leite, por alimentos contaminados, por contato direto secreções, urina, pelo leite e pela cópula.

Manifestações clínicas

Na maioria das vezes é assintomática, morte embrionária, reabsorção dos fetos, abortos, nascimento de filhotes prematuros e fracos, retenção placentária, infertilidade, comprometimento dos órgãos reprodutivos.

Exames e Diagnóstico

Sorologia, PCR

Tratamento

O tratamento da brucelose em cães envolve a castração, seguida de um longo tratamento com antibióticos, cujos resultados são variáveis e considerados difíceis. Mesmo após o tratamento, os animais podem permanecer portadores da bactéria. A realização de sorologias periódicas é recomendada. O sucesso do tratamento está relacionado ao uso correto de antibióticos específicos, variando conforme a gravidade dos sintomas e a resposta do animal. Efeitos colaterais e possíveis falhas devem ser monitorados por um profissional qualificado.

Prevenção

É essencial evitar acasalamentos indiscriminados, controlar o acesso dos cães às ruas e locais com outras espécies, e garantir a origem segura de leite e carne. A limpeza de pastos e a quarentena de animais em canis comerciais são medidas importantes para prevenir a disseminação da brucelose. Cães portadores devem ser isolados e higienizados, mas ainda podem representar risco de infecção para outros animais.

Referencias Bibliográficas
  • Referências Bibliográficas
  • Hollett, R.B. Canine Brucellosis: outbreaks and compliance. Theriogenology. n.66, n.4, p.575-587, 2006.
  • Nelson, R.W., Couto, C,G. Medicina interna de pequenos animais. 2015. 5ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan. 1468p.
  • Silva, D.A.V. Da et al. Surto de brucelose em canil comercial – relato de caso. Revista de Educação Continuada em Medicina Veterinária e Zootecnia do CRMV-SP. v.16, n.3, p.344-51, 2018.
  • Sousa, M.G. et al. Brucelose canina – Aspectos clínicos em um cão. Revista Brasileira de Reprodução Animal. v.27, n.3, p.557-8, 2003.
error: Content is protected !!